Busca por Categorias

Música

Vídeo

Sondre Lerche – Soft Feelings

Sondre Lerche - Soft Feelings

New Order, é você? Logo nos primeiros segundos de “Soft Feelings”, de Sondre Lerche, a gente se sente como se tivesse apertado o botão “Play” para ouvir uma nova fita cassete no nosso walk-man. A faixa faz parte da tracklist do disco Pleasure, que o norueguês se prepara para lançar no dia 14 de abril. A vibe oitentista é transferida, inclusive, para o videoclipe da canção, que acompanha o cantor com uma câmera em VHS em uma espécie de crise de identidade, e conta com a breve participação de Tom Krell, aka How To Dress Well. Olha só!

Som Novo

BIKE – A MONTANHA SAGRADA

Bike - A Montanha Sagrada

A primeira coisa que eu consigo pensar quando começa “A Montanha Sagrada”, da banda Bike, é: BATEU! E a culpa não é de ninguém além das cítaras e das guitarras psicodélicas que, de cara, apresentam a melodia dessa primeira amostra do novo disco do grupo paulistano. Previsto para 2017, o aguardado Em Busca da Viagem Eterna deve dar continuidade ao trabalho produzido em 1943, álbum lançado em 2015. No single, conferimos sete minutos de pura viagem sonora, embalada pelo mantra do verso “Subi a montanha para ficar mais perto do céu”. Já estamos altos, garotos!

Som Novo

heche – corrp.to

heche - corrp.to

A produção do EP corrp.to foi para o rapper heche (Rafael de Toledo), de Curitiba, como uma terapia. “O EP corrp.to relata o fim de uma crise, depressiva, existencial que eu vivi”, ele conta. Em 2015, heche gravou um EP chamado Máscara de Insetos, que por conta de uma série de problemas pessoais acabou não sendo lançado naquele ano. Recentemente, uma extensa lista de referências, que vão de jogos de videogame como Donkey Kong e Pacman a discos como o Kuruption!, do Kurupt, e a músicas do RZO, Bill, Nega Gizza e Milo, deram o empurrão que faltava para a sua saída da inércia. Foi um fato do começo de 2016, no entanto, o principal responsável pela retomada dos trabalhos do rapper. “David Bowie morreu e não consegui ficar calado”, explica. “A música do homem foi muito importante durante meu crescimento e acabei me inspirando nessa tragédia pra reencontrar minha motivação”. O resultado são 4 faixas gravadas, mixadas e masterizadas pelo próprio heche, que criam um universo permeado por versos que apenas um jovem aos seus 20 e poucos poderia descrever. Apesar de focada no rap, a sonoridade apresenta uma diversidade de colagens, como outras músicas e narrações de telejornais, que funcionam como uma espécie de porta de entrada para uma vibe mais vaporwave. O visual inspirado em arcades retrô, inclusive, ajuda nessa tarefa. Bora escutar?

Vídeo

Pillow Person – On Your Way

Pillow Person - On Your Way

Ainda nem acabou janeiro e eu já ouvi falar de PC Music algumas boas 47 vezes. O que significa que essa é, de fato, uma das possíveis grandes tendências para a música pop dos próximos anos. Quer (mais) um exemplo? “On Your Way”, da Pillow Person – projeto da Sarah Jones, baterista do Hot Chip – é mais uma amostra de como as batidas sintéticas como um chiclete estão para estourar em hits futuros. A faixa, que já ganhou um clipe igualmente grudento, é a sucessora de “Go Ahead”, outra inscursão pelo som experimental. Prepare-se para um vídeo ~cremoso:

Som Novo

Sofi Tukker – Johny

Sofi Tukker - Johny

O que um  produtor de Nova York, uma cantora alemã e o poeta brasileiro Paulo Leminski podem ter em comum? A música dance! Eu explico. A dupla Sofi Tukker, que lançou o EP Soft Animals no ano passado e dominou por um bom tempo a minha trilha sonora da academia, acabou de divulgar uma nova faixa para o jogo FIFA 17. Em “Johny”, no entanto, o duo faz mais do que cantar em português, como nas ótimas “Drinkee” – indicada ao Grammy – e “Matador”. No single, Sofi Tukker musicalizou um poema de Leminski, retirado do livro Caprichos e Relaxos, lançado em 1983. Tudo acompanhado por guitarras “faroésticas” e uma produção eletrônica baseada em palminhas. Tá delícia!